Celebridades do Grande Méier

artistas-que-nasceram-no-meier

Méier é um reduto de pessoas talentosas, expressivas e com diversas qualidades artísticas, mas será que você conhece as celebridades que nasceram ou viveram aqui na região? Veja a lista abaixo:

ADRIANA ESTEVES

adriana esteves meier

Ser uma suburbana do Méier é diferente de uma moradora dos outros bairros. A tijucana é diferente da menina do Grajaú, que é diferente da de Madureira. Cada uma tem o seu jeitinho. Eu sou uma suburbana do Méier. Então, conheço bem a mulher do Méier.

Adriana Esteves deu esta declaração para o jornal Extra, quando participou do seriado “As cariocas”, da Rede Globo. Adriana interpretou Celi, no episódio “A vingativa do Méier”.

JOÃO NOGUEIRA

joao nogueira meier

João Nogueira começou a compor aos 15 anos, fazendo sambas para o bloco carnavalesco Labareda, do Méier, através do qual conheceu o músico Moacyr Silva, dirigente da gravadora Copacabana, que o ajudou a gravar o samba Espere, Ó Nega, em 1968.

Hoje, empresta seu nome para o Centro Cultural mais importante da região: o Imperator – Centro Cultural João Nogueira.

FÁTIMA BERNARDES

fatima bernardes meier ok

Eu sou da Zona Norte. Eu fui criada no Méier!

Fátima Bernardes, como muitos sabem, foi criada em nosso bairro e participava das aulas de ballet no Centro de Dança Rio, na rua José Veríssimo.

Fátima em seu  programa declarando que é do Méier >  Link do vídeo

LIMA BARRETO

lima barreto meier

Escritor e jornalista, publicou romances, sátiras, contos, crônicas e uma vasta obra em periódicos, principalmente em revistas populares ilustradas do início do século XX.

O autor nasceu em 13/05/1881, morou no Grande Méier em uma casa na Rua Major Mascarenhas 32, em Todos os Santos, e construiu uma relação com a Zona Norte que o levou a concentrar a atenção a esta parte da cidade.

Lima chamava o Méier de “O orgulho do subúrbio e dos suburbanos”.

Com informações de Grifo nosso e Wikipedia

MARCELO FALCÃO

marcelo falcao meier

O cantor da banda “O Rappa” nasceu e cresceu no bairro Engenho Novo, na cidade do Rio de Janeiro. Falcão fez o primário no colégio Salesiano do Riachuelo,  próximo de onde morava.

Após ter saído do Salesiano, Falcão estudou por dois anos no Colégio Tamandaré e, logo após, fez escola técnica se formando em eletrônica, seguindo a orientação de seu pai.

ARACY DE ALMEIDA

aracy-de-almeida-foto-okAracy teve grande convivência com o compositor Noel Rosa. Também foi jurada do programa Show de Calouros de Silvio Santos. Era conhecida como “Dama da Central” (do Brasil), pois somente viajava de trem.

Estudou em um colégio no Engenho de Dentro, onde foi colega do radialista Alziro Zarur, passando depois para o Colégio Nacional, no Méier.

Fonte: Wikipedia

SEU JORGE

seu-jorge-foto-ok-meierSeu jorge era morador de Belford Roxo, mas se mudou para a casa de um tio, no Méier, após o falecimento do irmão.

O cantor conta um pouco de sua história no site do GShow

SANDRO ROCHA

sandro rocha meier

Sandro é morador do Méier e teve grande destaque ao interpretar o Major Rocha, o principal vilão do filme Tropa de Elite 2: O Inimigo agora É OutroFoi destaque também como o grande vilão, Cléber, da novela Vidas em Jogo, na Rede Record.

ALEXANDRE FROTA

ALEXANDRE-FROTA-MEIER-FOTO-OKAlexandre Frota foi aluno do Colégio ADN, mas não temos informações se morou realmente em nosso bairro.

MILLÔR FERNANDES

millor fernandes meier

Grande desenhista, humorista, dramaturgo, escritor, poeta, tradutor e jornalista brasileiro.

Filho do imigrante espanhol Francisco Fernandes e da brasileira Maria Viola Fernandes, Millôr nasceu em 16 de agosto de 1923, no subúrbio carioca do Méier.

ROBERTO CARLOS

roberto-carlos-foto-okNo fim da década de 50, Roberto Carlos morou no Lins de Vasconcelos, mais precisamente na Rua Pelotas – 59. O site do Globo conta um pouco desta história.

JULIANA ALVES

JULIANA-ALVES-FOTO-OKJuliana nasceu em Bento Ribeiro, mas se mudou cedo para o Engenho de Dentro.

TAÍS ARAÚJO

tais araujo meier

Taís viveu no Méier até os 8 anos. Depois, mudou-se para a Barra da Tijuca, na Zona Oeste, com os pais e a irmã. Hoje, vive com o marido Lázaro Ramos e o filho João Vicente no Humaitá, na Zona Sul.

Informações: O fuxico

DENISE FRAGA

denise-fraga-lins-foto-ok
Em entrevista para o jornal O DIA, a atriz deu a seguinte declaração:

Muita gente pensa que eu sou de São Paulo, mas sou do Lins de Vasconcelos, onde escolhi esse ofício.

BRUNO – SORRISO MAROTO

bruno-sorriso-maroto-meier-foto-okBruno declarou que era do Méier em uma reportagem sobre o CD “Sorriso eu gosto”, que foi gravado no Maracanãzinho. Segundo informações, Bruno morava na Rua Pedro de Carvalho.

THAISSA CARVALHO

thayssa carvalho meier

Thaíssa Carvalho há pouco tempo postou em sua rede social a decisão de reformar sua residência no Méier, onde mora com a família. No programa “Encontro com Fátima Bernardes”, a atriz reiterou essa escolha.

Toda minha história está ali, meus vizinhos são os mesmos até hoje. Até pensamos em vender a casa e mudar para a Barra, onde você não sabe nem quem é o vizinho do lado. Mas depois decidimos reformar a casa.

Com informações do GShow

SAMARA FELIPPO

samara felippo meier

A atriz que marcou uma geração com a personagem Érica, na novela Malhação da Globo, viveu grande parte de sua vida em uma casa no Cachambi, com a família.

ASTRID FONTENELLE

astrid-foto-ok meierEm entrevista para a revista Quem, Astrid revela que morou em um prédio grande no Méier, mas não sabemos exatamente qual o local.

LATINO

latino-foto-ok-meierLatino, em uma reportagem, conta que passou por momentos difíceis em sua vida e chegou a dormir embaixo do viaduto do Méier, por quase um mês.

Segundo alguns moradores, o cantor viveu também em um edifício na Rua Pedro de Carvalho.

FERNANDA MONTENEGRO

fernanda montenegro meier

Fernanda Montenegro é suburbana. Pode não ter nascido em nossa região, mas fez uma simpática declaração sobre o Méier, na revista Pegadas, produzida pela paróquia Sagrado Coração de Jesus, na rua Carolina Santos:

Aos amigos queridos da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, ao amigo Pe. João Luiz, aos demais padres, e católicos e suburbanos como eu. Sabemos como somos irmanados. Sabemos como honramos nosso Bairro, nossa Cidade, nosso Estado, nosso País. A vida me levou desse subúrbio amado faz muitos, muitos anos. Vez ou outra, volto a visitar diversos bairros ou Estações (como se dizia antigamente). São visitas de trabalho ou de presença em atos religiosos.

Quando entro ou passo pelo Méier, só me vem uma frase: Méier, a Paris do nosso Subúrbio! O Méier é um “centrão” acolhedor, com seu jardim, sua igreja, seu teatro, seu cinema, seu grande comércio, bares, blocos carnavalescos e uma eterna festa na alma dos seus moradores: os que nasceram e os que foram chegando. Uma população cheia de fé em Deus e nos homens. Um bairro que centraliza “como Paris” a cor, o bater do coração por viverem conscientes da sua força de trabalho e no orgulho de ser “cariocas do Méier”!

Lembra de mais estrelas? Coloque nos comentários.

Tag's

Faça seu comentário

apteka mujchine for man ukonkemerovo woditely driver.